Câmara Legislativa do DF concede moções de honra aos Agentes da Paz brasileiros

Câmara Legislativa do Distrito Federal (Brasília) concede moções de honra aos Agentes da Paz brasileiros

“A
paz precisa ser alicerçada para que haja felicidade”.Essas foram as
palavras iniciais do discurso do Deputado Brunelli, propositor da
solenidade dedicada aos Agentes da Paz Destacados.

A Moção de Honra foi concedida a pessoas que se destacaram por
trabalhos realizados em diferentes áreas, como política, religião,
educação, e a pessoas anônimas, que em seu dia-a-dia atuam efetivamente
pela promoção da paz.

O evento aconteceu em
Brasília, neste dia 21 de novembro, na Câmara Distrital. Lembrando a
importância da data, a Dra. Kélita Machado, Diretora Administrativa da
ONG AMISRAEL falou de como o Brasil é marcado pela diversidade: “O
brasileiro passa por toda a escala cromática, sendo impossível dizer
que somos um povo de tal ou de tal cor, somos de todas as cores”.

Entre os 44 homenageados, destacam-se o Embaixador da Alemanha no
Brasil, Prot Von Kunow; o Vice-governador do DF, Paulo Octávio; o Bispo
Manoel Ferreira, o Presidente Iremar Possamai da Associação das Famílias (AFUPM), Rev. Christian Lepelletier da Federação para a Paz Universal (UPF) e o Líder da Mesquita do Brasil, Xeique Armando

Hussein
Saleh, quem felicitou a realização do evento:


Xeique Armando da Comunidade Muçulmana de São Paulo



Mesa de honra: segundo esq. Presidente Iremar da AFUPM, Deputado Ferreira e Deputado Brunelli

“Essa iniciativa de incentivar a paz é o 1º passo para reivindicar a
paz no Brasil. A paz é fazer o bem para se sentir bem. Peço aos homens
de boa vontade para buscar a paz e a dignidade humana, para assim
vivermos uma paz duradoura”.

O Grupo de dança
Lehakat AMISRAEL Brasília abrilhantou o evento dançando a música lema
dos Agentes da Paz e a sociedade em geral presente demonstrou o apoio
ao reconhecimento pelo trabalho realizado pelos Agentes da Paz.

Após a entrega das moções de honra, o Deputado Brunelli ressaltou ainda
o desenvolvimento de armas silenciosas para a construção da paz, como a
tolerância, o amor, o respeito, dentre outras.

O
evento foi marcado pelo ambiente de tolerância, no sentido de esquecer
as diferenças e focar em um só objetivo: a paz, para construção efetiva
de um mundo melhor.

Texto : Aline Lima / Lidia CunhaFotos : Anna Paula Marques

Anúncios
Esse post foi publicado em Notícias e política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s